Skip directly to content

Palestras

Temas Organizacionais

Como você pensa, sente e se comporta
O conteúdo desta palestra se foca na aplicação da Terapia Cognitiva dentro das organizações. Especificamente, trabalha o desenvolvimento do “domínio pessoal”, ou seja, as interpretações funcionais que se têm do sucesso e do fracasso. Outro ponto abordado é a interferência dos distúrbios emocionais, que têm como resultado a elevação do estresse na produtividade. O objetivo é promover a construção de um modelo de organização otimista e realista ao orientar os membros da empresa para a adoção de um “estilo vencedor”.

As habilidades fundamentais nos relacionamentos familiares, sociais e profissionais
Um dos grandes problemas da contemporaneidade é o ruído na comunicação. Esta palestra visa solucioná-lo, com orientações e técnicas que se voltam para a arte de trabalhar em conjunto, estimulando a confiança, a cooperação e a reciprocidade. Para tanto, apresenta as “distorções cognitivas” em ação, ou seja, as interferências na comunicação. Em seguida, demonstra como aplicar o Método Socrático - a utilização de perguntas. Apresenta, ainda, o comando efetivo (saber dar ordens e instruções) e técnicas de como falar para ser ouvido e como ouvir para o outro saber falar.

Trabalho e satisfação pessoal
Como o próprio título sugere, esta palestra tem como objetivo a transformação do trabalho em uma atividade de satisfação pessoal. Seu conteúdo aborda o trabalho em relação aos outros aspectos da vida, os três níveis de orientação (tarefa, carreira e vocação), a identificação das forças pessoais e a recriação do trabalho atual (significado e propósito).

Temas de Autoconhecimento

Mudança pessoal - possibilidades e limitações
Mudanças são sempre bem-vindas quando podem resultar em uma vida mais feliz. Nesse sentido, essa palestra apresenta a fórmula para a “mudança pessoal”. Para tanto, informa sobre o sentido da mudança através dos tempos e apresenta a noção de “estações da vida” — expansão e contração. Em seguida, aborda as explicações científicas sobre a origem e o mecanismo das “disfunções psicológicas” (das mutáveis às imutáveis). Aborda, ainda, a mudança na vida emocional, tratando de temas como a depressão, a ansiedade e a raiva. Por fim, enfoca a influência do pensar sobre o sentir e o agir, apresentando um programa para as transformações.

Preocupe-se menos e viva melhor
A vivência cotidiana resulta, muitas vezes, em uma série de preocupações, que pode comprometer a qualidade de vida do indivíduo. É fundamental, então, aprender a lidar com tais inquietações. Essa palestra informa sobre como se desencadeiam as preocupações e os medos, e apresenta a “fórmula da ansiedade”. Em seguida, ensina os sete passos para a superação da preocupação excessiva. Nela também se trabalha a noção das imperfeições da perfeição, assim como a perfeição na dose certa. Por fim, demonstra-se como ativar os pontos fortes e a determinação do significado.

O cérebro e a tomada de decisões
O estresse e a correria diários são fatores que podem ofuscar a tomada de decisões consciente. O objetivo dessa palestra é auxiliar no caminho da decisão à escolha à felicidade. Para tanto, trata dos fatores de vulnerabilidade x fatores estressores e apresenta o paradoxo da escolha. Demonstra, na sequência, que há uma alternativa contra o estresse: a proteção total. Ensina, ainda, o resgate da “flexibilidade cognitiva”.

Temas de Vivência Familiar

Para além do amor - um novo enfoque sobre relações afetivas
Aprender o caminho para o relacionamento positivo e saudável é o foco dessa palestra. Parte, para isso, da revolução cognitiva da psicologia, mostrando o que é necessário para manter um relacionamento. Apresenta, de maneira clara e direta, o choque das perspectivas, ou seja, o que são os erros nas interpretações e a ruptura das regras. Em seguida, leva o indivíduo a pensar sobre o impacto das “diferenças” de sexo, de personalidade, de ritmo e de estilo. Apresenta, ainda, as ameaças ao pacto relacional e as áreas de conflito para, então, ensinar a arte do diálogo (regras específicas e reforço nas bases).

Do pessimismo ao otimismo - as diversas maneiras de encarar a vida
Estimular um estilo de pensar otimista é um dos passos em direção à felicidade. Nessa busca, a família deve trabalhar unida. Essa palestra apresenta um conteúdo que auxilia na adoção desse estilo otimista de pensar. Seu conteúdo engloba as origens do “estilo de atribuição” de filhos e pais, a interpretação do sucesso e do fracasso nos eventos da vida, como criar filhos com domínio e a organização otimista realista.

O limite como manifestação ilimitada de amor
Educar não é uma tarefa fácil para os pais, especialmente no momento de estabelecer limites para os filhos. Essa palestra busca ensinar os princípios básicos para educar corretamente. Sua temática inclui como administrar conflitos, a construção da autonomia e a maneira certa de “reforçar” e “punir”.

A intervenção eficaz dos pais nas áreas de vida dos filhos
Os pais constituem a peça fundamental na formação dos filhos e, portanto, intervenções eficazes nesse processo são sempre bem-vindas. O objetivo dessa palestra é, exatamente, conscientizar os pais de sua influência na construção da base psicológica das crianças e dos adolescentes e os auxiliar a intervir positivamente. Para tanto, apresenta o desenvolvimento das crenças funcionais e/ou disfuncionais de estima, competência e adequação através do modelo cognitivo. Na sequência, trata das formas facilitadoras de comunicação: “como falar para o seu filho ouvir e como ouvir para o seu filho falar”. Por fim, ensina os 10 passos da “intervenção eficaz” nas várias idades e contextos.

Temas Educacionais

O papel dos professores e pais na prevenção dos transtornos emocionais
O trabalho conjunto de pais e escola é fundamental para a formação de esquemas funcionais em crianças e adolescentes. O objetivo dessa palestra é garantir a eficácia nas intervenções na vida dos filhos e estudantes. Para tanto, informa sobre os distúrbios emocionais e a elevação do estresse em crianças e adolescentes e, na sequência, apresenta as ferramentas do modelo cognitivo (comportamental) para superar esses problemas.

Facilitando a compreensão e o manejo do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade por parte dos professores e pais
O baixo rendimento escolar muitas vezes é resultado do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade. Esse problema pode ser contornado e auxiliar pais e mestres nesse sentido é o foco dessa palestra. Ela inclui informações sobre a natureza do transtorno, a “composição do diagnóstico” e a implicação nos diversos contextos da vida. Ensina, ainda, a desenvolver o controle (a arte de resolver problemas) e apresenta um programa de ajuda com estratégias e técnicas.

Como combater a ansiedade frente ao vestibular - orientação aos pais e educadores
O vestibular é um momento de decisões e, portanto, de ansiedade na vida dos estudantes. A ideia desta palestra é fornecer ferramentas para que os pais e mestres possam ajudá-los a vivenciar esta etapa da melhor maneira possível. Seu conteúdo engloba a influência dos educadores na formação do auto conceito acadêmico, os passos para uma intervenção eficaz e como desenvolver o “domínio pessoal” nos filhos e alunos (interpretações funcionais de sucesso e de fracasso).

Como combater a ansiedade frente ao vestibular - orientação aos estudantes
O objetivo dessa palestra é fornecer instrumentos e técnicas eficazes aos estudantes para que eles possam lidar com a ansiedade no ano do vestibular. Inicialmente se explica o que são as distorções cognitivas diante do vestibular e, em seguida, os ensina a lidar com as preocupações (da paralisação à superação). Também se estabelece a contraposição entre a fórmula da ansiedade e a fórmula do sucesso.

A construção do autoconhecimento acadêmico - as diferentes formas de interpretar o sucesso e o insucesso
Auxiliar na adoção de um estilo competente de atuação é o foco dessa palestra. Para tanto, centra-se nos seguintes conteúdos — contribuintes familiares, sociais e escolares para a construção do autoconhecimento, o desenvolvimento do esquema mental e crenças funcionais e/ou disfuncionais de competência através do modelo cognitivo, origens e fases da “Motivação de Realização”.

As habilidades fundamentais nos relacionamentos familiares, sociais e profissionais
Um dos grandes problemas da contemporaneidade é o ruído na comunicação. Essa palestra visa solucioná-lo, com orientações e técnicas que se voltam para a arte de trabalhar em conjunto, estimulando a confiança, a cooperação e a reciprocidade. Para tanto, apresenta as “distorções cognitivas” em ação, ou seja, as interferências na comunicação. Em seguida, demonstra como aplicar o Método Socrático: a utilização de perguntas. Apresenta, ainda, o comando efetivo (saber dar ordens e instruções) e técnicas de como falar para ser ouvido e como ouvir para o outro saber falar.